Quinta, 15 de julho de 2010, 09h00
A- |  A+

Assistência Social e Desenvolvimento Humano

Técnica do MDS visita centros de referência de assistência social em Cuiabá


Foto: Pipo Figueiredo

Clique para ampliar

A assessora do Departamento de Proteção Básica do Ministério do Desenvolvimento Social – MDS, Ivonete Alves Paiva, está em Cuiabá para realizar o acompanhamento técnico e o monitoramento dos trabalhos desenvolvidos nos Centros de Referência da Assistência Social-CRAS em Cuiabá, subordinados a Secretaria Municipal de Assistência Social e Desenvolvimento Humano – Smasdh. Ela visitará cinco unidades CRAS na Capital.

Na manhã de ontem (14-07) a equipe do MDS, acompanhada pela assistente social Maria Inês Belém Siqueira, da Secretaria de Emprego, Trabalho, Cidadania e Assistência Social – Setecs, se reuniu com o secretário Jader Moraes. O secretário afirmou que apesar dos avanços principalmente quanto aos direitos da criança e do adolescente, em relação à maioria das capitais brasileiras, em Cuiabá ainda esbarramos com uma situação muito difícil, como é o caso do abrigamento dos jovens dependentes químicos.

“Mantemos plantão de 24 horas no Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente localizado no CREAS, na Rua Pedro Celestino, no centro de Cuiabá. Entretanto, depois de feita a triagem e fornecido o primeiro atendimento, que é função do município, precisamos abrigar esses jovens em instituições para fazerem tratamento de desintoxicação. Instituições de alta complexidade que são da alçada do estado. Fica então uma grande lacuna dentro da política”, observou.


O secretário disse ainda que hoje a secretaria Municipal de Assistência Social está investindo maciçamente no fortalecimento de políticas que beneficiam o elo familiar, que atendem a família como um todo. “Por isso procuramos dar toda atenção aos CRAS, considerados a Casa da Família; agora já são nove unidades nos bairros de Cuiabá com trabalho de convivência e prevenção, atuando com equipes multidisciplinares” ressaltou o secretario Jader.

A técnica do MDS, Ivonete Alves, explicou que “assim como o cidadão pensa em hospital quando se fala em saúde, e em escola quando se fala em educação, precisamos referenciar as Unidades CRAS para a assistência social”. Ela acrescentou que “este trabalho precisa envolver outras secretarias e atuar para prevenir a violência. O estado tem que fazer a prevenção trabalhando dentro da família na unidade próxima da sua casa e esse lugar é o CRAS”, concluiu.

Enviar Matéria Imprimir Voltar

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá