Sexta, 30 de novembro de 2012, 18h35
A- |  A+

Saúde

Caps AD III é inaugurado pelo prefeito Galindo


Arthur Passos

Clique para ampliar

O prefeito de Cuiabá, Chico Galindo, procedeu hoje (30-12) cedo a inauguração oficial das instalações do Caps AD III Adolescer "Maria José da Silva Rado", cerimônia realizada na sede funcional da unidade, no Jardim Europa. Participaram desse evento o ex-secretário de Saúde e atual de Governo do município, Lamartine Godoy Neto, a quem o prefeito creditou parte do êxito da edificação da sede "e o aprimoramento invejável do atendimento ali registrado 24 horas/dia".
 
Também o atual secretário de Saúde, Huark Douglas Correia, parabenizou a iniciativa do titular do Executivo cuiabano.  Apenas o contrato do Caps custou aos cofres municipais R$ 444.863,16 mil, além de outras despesas.  O governo federal participou com R$ 100 mil.
 
Emocionado, Galindo salientou a importância do trabalho que o Caps realiza. "Cuiabá conta agora com um Caps estruturado, o primeiro nesse gênero no Estado, com capacidade para atender diariamente 60 pessoas. Realmente, é motivo de muita satisfação para todos nós, que apostamos integralmente na Saúde, composta de pessoas valorosas, idealistas, persistentes em tudo que fazem. E é  uma honra inaugurar uma unidade desse porte. A meu ver, em face do magnífico trabalho prestado diuturnamente, é a obra mais importante da minha gestão. Portanto, encerro minha administração de maneira significativa".
 
Galindo ainda lembrou que a homenageada ("Maria José da Silva Rado"), psicóloga que desempenhou trabalhos destacados em Mato Grosso, possui o nome da sua mãe e, inclusive, da genitora do ex-titular da Saúde e seu atual secretário de Governo, Lamartine Godoy Neto. "A homenagem prestada à brava psicóloga Maria José da Silva Rado ganha assim um brilho ainda maior por nos lembrar pessoas queridas. Hoje, sem dúvida, é o dia das Marias".  
 
                Chico 2000: "Ver pais pedindo socorro para filhos viciados é algo que nos comove..."
 
Autor do projeto que originou a construção do Caps, o vereador Chico 2000 representou o Legislativo da Capital.  No seu pronunciamento, o parlamentar disse que tudo começou a partir de uma visita que recebeu de um casal desesperado. "A filha deles, uma criança de 14 anos, já estava dependente de drogas, e inclusive havia partido para as fase secundárias do vício, prostituição e furto. Os pais me pediram então socorro".
 
O vereador disse que a edificação do Caps era um projeto que tinha em mente, mas que ganhou impulso decisivo a partir daí, "transformando-se na realidade atual graças ao apoio integral do prefeito Chico Galindo e do então titular da Saúde, Lamartine Godoy Neto. Só tenho que agradecer a Deus por tudo isso, estrutura de Saúde inédita no Estado, à disposição de Cuiabá para servir àqueles que querem se libertar dos seus vícios".
 
O Caps AD III Adolescer, que já funcionava antes mesmo de ser inaugurado oficialmente, é administrado pela enfermeira Fleuriza Constança Ormond, que sublinhou a alegria dos técnicos ali lotados quando os primeiros resultados positivos da luta daquela unidade contra as drogas começaram a se manifestar. "Eles mesmos, os pacientes, os usuários, são os primeiros a nos agradecer. A procura espontânea é a forma sincera de dizer que precisam de ajuda para se libertar das amarras impiedosas do vício. Isso é uma recompensa permanente para quem trabalha no Caps, emociona-nos profundamente".
 
A administradora Fleuriza Constança acrescentou também que o Caps AD III Adolescer é um serviço do SUS (Sistema Único de Saúde) e oferece tratamento continuado para crianças, adolescentes e respectivos familiares com problemas relacionados ao uso de álcool, crack e outras drogas em diferentes modalidades de cuidado: intensivo (diariamente), semi-intensivo (duas a três vezes por semana) e não intensivo (até três vezes ao mês).
 
"Trata-se de serviço ambulatorial territorializado, que integra uma rede de atenção em Saúde e que tem, como princípio, a reabilitação psicossocial. Para tanto, dispõe de uma equipe de saúde multiprofissional, a exemplo de psicólogos, médicos, assistentes sociais, terapeuta ocupacional, educador físico, agentes de ação social, técnicos de enfermagem e administrativos". 
 
Os encaminhamentos, finalizou, poderão ser realizados por outras unidades de Saúde, setores governamentais ou não, e também pela chamada demanda espontânea, "que acontece quando o usuário comparece à unidade do Caps AD III por vontade própria. Ninguém é forçado a vir pra cá".  
 
Enviar Matéria Imprimir Voltar

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá