Segunda, 23 de julho de 2012, 11h58
A- |  A+

Governo

Banda de Fuzileiros Navais encanta público em homenagem a Cuiabá


Walter Machado - Secom Cuiabá

Clique para ampliar


A apresentação da Banda Marcial do Corpo de Fuzileiros Navais do Brasil, que aconteceu na última sexta-feira (20-07) no Estádio Presidente Dutra (Dutrinha), em Cuiabá, encantou o público de quase 5 mil pessoas que compareceu ao local. Em uma hora e meia de show, a banda, formada por 100 homens, homenageou a cidade sede da Copa do Mundo de 2014.
 

Começando com um clássico da música cuiabana, a banda tocou “Pixé”, de Moisés Martins, levando o público a cantar junto e aplaudir de pé. Logo depois, os homens fizeram uma formação e desenharam no gramado do estádio a frase “Cuiabá 2014”, em alusão aos jogos do Mundial de Futebol que acontecerão na capital mato-grossense. 

Além do espetáculo ao público, a apresentação também teve seu cunho social. A entrada, um quilo de alimento não perecível, foi toda revertida para o Hospital de Câncer de Mato Grosso. 

O comandante da Marinha, André Luiz do Nascimento, falou sobre a iniciativa. “É um grande orgulho para nossa corporação. Pela primeira vez em Cuiabá e nós estamos aprendendo com a cidade. O Hospital do Câncer será agraciado e nós também”, disse. 

O diretor e presidente do Hospital de Câncer, João Castilho Moreno, falou sobre a importância das doações para a administração da unidade. “Através da parceria com a prefeitura, o programa Valorizando Vidas da primeira-dama Norma Sueli Galindo, e a Banda de Fuzileiros Navais, é claro, nós estamos garantindo alimentos que vão nos manter por pelo menos dois meses. Além disso, estamos despertando nas pessoas o espírito de solidariedade”, disse. 

De acordo com Castilho, o Hospital mantém, por mês, de 8 a 10 mil refeições com recursos próprios. São alimentados destinados aos pacientes internados, os que esperam por consultas e outros atendimentos, além dos acompanhantes de todos eles. 

A primeira dama de Cuiabá, Norma Sueli Galindo, que tem trabalhado como voluntária nas arrecadações para o Hospital do Câncer, falou sobre a parceria. “É muito gratificante. O mais importante, além de ajudarmos o Hospital do Câncer, é o carinho com que as pessoas vêm e entregam as doações. Estamos conseguindo despertar a solidariedade em cada um deles”, comemorou. 

A Banda 

A Banda Marcial do Corpo de Fuzileiros Navais é considerada uma das maiores bandas marciais do mundo. Já se apresentou por toda Europa e em breve fará apresentações no Líbano. A Banda mantém a tradição dos desfiles e apresentações públicas, nas quais, cerca de 120 militares realizam, com grande precisão, simétricas e criativas evoluções. A Banda Marcial do Corpo de Fuzileiros Navais tem sua sede estabelecida na histórica Fortaleza de São José, construída em 1736, na Ilha das Cobras na Baía da Guanabara, na cidade do Rio de Janeiro (RJ). 

A Banda distingue-se pela presença de gaitas de fole escocesas entre seus instrumentos musicais, presente da Rainha da Inglaterra para o USS Saint Louis, navio pertencente à Marinha Americana. Em 1951, quando esse navio foi incorporado à Marinha Brasileira, com o nome de Cruzador "Tamandaré", sua tripulação presenteou a Banda Marcial com 16 gaitas escocesas, em agradecimento ao Corpo de Fuzileiros Navais, que ofertara ao navio a bandeira brasileira. 

Essa tradicional banda vem divulgando, através dos anos, a Marinha do Brasil e o Corpo de Fuzileiros Navais. Por sua técnica e pelas evoluções de seus componentes, entusiasma as plateias por onde se apresenta, sendo cada vez mais solicitada para exibições em todo o território brasileiro. Com isso, tem despertando o interesse pela formação de inúmeras fanfarras escolares para as quais serve de modelo, ajudando a manter a tradição das bandas e fanfarras escolares.

Enviar Matéria Imprimir Voltar

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá