Quinta, 10 de outubro de 2013, 09h40
A- |  A+

Educação

Profissionais da educação se reúnem para discutir direitos da criança e do adolescente


Com o objetivo de garantir a proteção de crianças e adolescentes, principalmente durante a Copa do Mundo de 2014 em Cuiabá, diretores de escolas e creches da rede municipal estão reunidos no 1° Encontro da Rede de Proteção de Crianças e Adolescentes para debater o tema.

Durante dois dias de encontro, os profissionais da educação vão discutir quais os caminhos que devem ser seguidos para prevenir a violação de direitos contra esse público, cujo faixa-etária se  concentra em maior parte nas escolas do ensino fundamental.
O evento é realizado pela Secretaria Municipal de Educação, em parceria com o Juizado da Vara de Infância e Juventude de Cuiabá e a Rede de Garantia de Direitos de Crianças e Adolescentes.

Direcionado a diretores de escolas e creches da rede municipal de Cuiabá, o encontro tem como objetivo traçar um plano operacional conjunto de atuação, alicerçada na campanha Nacional intitulada “Não Desvie o Olhar”. A campanha visa orientar os profissionais da educação no sentido de prevenir violações de direitos contra crianças e adolescentes de Cuiabá.

A rede de proteção é uma ação integrada entre várias instituições de proteção e defesa dos direitos da criança e do adolescente, como Juizado e Promotoria da Infância e Juventude, Conselhos Tutelares, delegacias, Centros de Referência de Assistência Social, e Conselhos de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente.

A rede foi criada para atender crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade, como abandono, violência física, sexual ou psicológica, exploração sexual, ou outras formas de risco.

Durante a abertura oficial do encontro, o secretário de Educação de Cuiabá, Gilberto Figueiredo, falou do papel do educador enquanto cidadão para evitar que situações de violência possam acontecer com os alunos na escola. “Nossos educadores lidam diariamente com crianças e adolescentes, e essa faixa-etária é a que está mais vulnerável e suscetível a qualquer situação de violência ou exploração. É preciso estar preparado para lidar com essa situação”.

A abertura do evento contou com apresentação do coral da escola municipal rural de educação básica Herbert de Souza, da comunidade Cinturão Verde.

A coordenadora Geral do Conselho Tutelar de Cuiabá, Flávia Cristina da Silva, lembrou que os conselhos tutelares, bem como todas as instituições que integram a rede de proteção, são grandes parceiros das unidades escolares e precisam trabalhar em conjunto.

“Esse encontro vai ajudar a esclarecer aos educadores sobre o que Cuiabá tem em rede de proteção à criança e ao adolescente. Explicar qual a função e o papel de cada uma dessas instituições que integram a rede”, disse a coordenadora, lembrando que uma das preocupações é em relação ao período da copa do mundo, quando a cidade estará com grande número de turistas e as crianças e adolescentes mais vulneráveis à exploração.  “Precisamos estar preparados para enfrentar esse tipo de situação”.

A diretora de Ensino da Secretaria Municipal de Educação, Olinda Gonçalves de Almeida, lembrou que é importante as escolas estarem sintonizadas com os conselhos tutelares e contribuir com o trabalho dos conselheiros. “Enquanto educadores, precisamos ter um olhar diferenciado para ajudar e proteger nossas crianças. É bom lembrar que sempre devemos pecar por excesso e não por falta de cuidados”.

O ciclo de palestras iniciou na quarta-feira (9), com o delegado titular da Delegacia Especializada do Adolescente (DEA), Paulo Alberto de Araújo.

Conforme destacou o delegado, o encontro de rede é um marco para a democratização e construção de cidadania. “É fundamental esclarecer qual o nosso papel e importância de cada um dentro da rede de proteção”.

Além do delegado Paulo Alberto, também ministraram palestra a delegada Luciani Barros Pereira, da Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Deddica); o promotor de Justiça e Cidadania Miguel Slhessarenko; e a Coordenadora da Comissão Interestadual do Centro-Oeste para Enfrentamento à Violência Sexual de Crianças e Adolescentes, professora Dilma Camargo.

Nesta quinta-feira (10), as palestras ficam por conta da juíza da 1ª Vara da Infância e Juventude de Cuiabá, Gleide Bispo dos Santos; da presidente do Conselho Municipal dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes de Cuiabá (CMDCA), professora Suely Levina da Silva; e da coordenadora Geral do Conselho Tutelar de Cuiabá, Flávia Cristina da Silva.

Enviar Matéria Imprimir Voltar
Matéria(s) relacionada(s):
  • Vacina contra Hepatite A estará disponível a partir do dia 18 de agosto

  • Membros do Conselho da Criança e do Adolescente serão eleitos em fevereiro

  • Cuiabá participa de validação de campanha internacional contra a exploração sexual

  • Dia das Crianças é comemorado com brincadeiras no CPA I

  • Profissionais da educação se reúnem para discutir direitos da criança e do adolescente

  • Artigo - Educar para o trânsito é educar para a vida

  • Edital 22 Anos do ECA: Projetos podem ser inscritos até o dia 30 de outubro

  • Cuiabá comemora Dia da Criança com investimentos na qualidade do ensino

  • Polícia Civil e Defensoria participam de discussões sobre direitos dos idosos hoje

  • Secretaria de Assistência Social e Conselhos de Cuiabá discutem diagnóstico municipal infanto-juvenil

  • Profissionais debatem temas relacionados a Direitos Humanos

  • 150 pessoas debatem direitos das pessoas com deficiência

  • Toma posse novo Colegiado do Conselho de Direitos da Pessoa Deficiente

  • Seminário - 21 anos do ECA apresenta proposta de ações em rede

  • Cuiabá participou do Seminário Nacional Prefeito Amigo da Criança

  • Começa hoje seminário sobre o ECA com palestras e oficina de projetos

  • Seminário do ECA ensina a elaborar projetos

  • Idosos aprovam propostas que garantem envelhecimento digno

  • Escolas municipais são premiadas na 10ª Semana Estadual de Prevenção às Drogas

  • Conferência Municipal discute política para o envelhecimento digno

  • Direito do idoso é tema de Conferencia Municipal

  • Enfrentamento à violação de direitos das crianças e adolescentes tem bons resultados

  • Ato público marca mobilização Criança Não é de Rua.

  • Ação Nacional Criança não é de Rua será realizada amanhã

  • Assistência Social apoia eleições do Conselho da Pessoa Idosa

  • Assistência Social prioriza entidades que trabalham com crianças e adolescentes

  • Jader Moraes assume presidência do CMDCA

  • Prefeitura de Cuiabá diploma parceiros do "Natal Criança Feliz"

  • Políticas voltadas à criança colocam Cuiabá na disputa de prêmio da Fundação Abrinq

  • Prefeitura promove a 1ª Cantata de Natal Criança Feliz

  • Cerca de 50 mil alunos da rede de ensino da capital recebem presentes do "Projeto Natal Criança Feliz 2010"

  • Alunos da Regional Norte recebem hoje brinquedos do "Projeto Natal Criança Feliz"

  • Gravidez na adolescência tem redução de 33% em Cuiabá

  • Prefeitura entrega brinquedos do projeto Natal Criança Feliz no dia 13

  • Regionais divulgam calendário de entrega de brinquedos do projeto Natal Criança Feliz de Cuiabá

  • Prefeitura discute projeto Natal Criança Feliz 2010

  • Renúncia fiscal em favor do Fundo Criança precisa ser feita até o fim do ano

  • Crianças internadas no HSPMC terão programação especial no Dia das Crianças

  • Secretário profere palestra na Abertura do Seminário de Agentes da Rede

  • Fundo Criança de Cuiabá se destaca no cenário nacional

  • Conselhos Tutelares e delegacia vão atender em praça

  • Praça Alencastro, nº 158 - Centro

    CEP: 78005-906

    Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

    © 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá