Quinta, 25 de novembro de 2010, 17h40
A- |  A+

Educação

"Educação é a grande aliada no combate à dengue", diz prefeito de Cuiabá


 Doze mil alunos e 25 mil famílias mobilizadas contra o mosquito Aedes Aegypti na capital. Esse é o resultado deste primeiro ano de implantação do projeto “Agente Mirim de Combate à Dengue”, que oferece a estudantes do município, de sete a 14 anos, a oportunidade de conhecer, aprender e participar diretamente do combate à doença por meio de visitas e cadastro de imóveis, levando informação e orientação aos moradores do entorno da unidade de ensino em que estudam.

Esses números foram revelados hoje (25-11) durante o quarto sorteio do programa, que premia dois alunos e duas residências por regional. Os estudantes premiados receberão bicicletas e vídeo games e, os proprietários dos imóveis, eletrodomésticos.

Implementado em fevereiro de 2010, o projeto foi idealizado pelos Conselhos da Governança Integrada de Base em (GIB) em parceria com as Secretarias Municipais de Educação (SME) e de Saúde (SMS) de Cuiabá.

As ações dos estudantes consistem em visitar e cadastrar as residências dispostas a participar do programa e que se comprometem a combater os possíveis criadouros do Aedes Aegypti. O imóvel cadastrado recebe um adesivo, em um lugar visível, com a inscrição “Esta casa se previne contra a Dengue”.

A SMS fornece às escolas e aos agentes todas as informações necessárias sobre as formas de proliferação e controle de Aedes Aegypti para que os estudantes possam realizar o trabalho de conscientização. É também de responsabilidade das equipes do Centro de Controle de Zoonoses a vistoria nas residências para verificar se cumprem todos os requisitos para receberem a premiação.

Durante o sorteio, o prefeito da capital, Chico Galindo, afirmou que a educação é uma das grandes agentes de combate à doença no município e agradeceu aos professores e gestores que se empenharam na implementação do programa. “Vocês estão lá na base com as crianças. Solicitem à meninada que fale com o papai e a mamãe que é preciso manter o quintal da casa limpo para evitar a presença do mosquito”, reafirmou.

Na avaliação do secretário municipal de Educação, Permínio Pinto Filho, as crianças são as grandes responsáveis pela sensibilização das pessoas na comunidade, pois elas adentram as residências e conscientizam os moradores. “Se cada um de nós tiver atitudes e parcerias como essas, poderemos passar por esse período com níveis toleráveis de incidência da doença”, disse.

Segundo o diretor da Vigilância a Saúde e Ambiente da capital, Benedito Oscar Santos,  todas as ações da prefeitura de Cuiabá de combate à dengue levaram a uma queda considerável nos casos de notificação da doença. “Em relação a 2009, no período chuvoso, este ano houve uma diminuição de 43% dos comunicados. Nos meses sem incidência de chuva, esse número caiu em 62, 8%”, informou.

 

Mais informações:
(65) 3645-6578

Enviar Matéria Imprimir Voltar

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá