A- |  A+

Chico Galindo afirma que seu projeto para 2011 é concretizar vários empreendimentos em Cuiabá


Foto:Pipo Figueiredo-PMC

Clique para ampliar

Em entrevista hoje à tarde (06-01), no Palácio Alencastro, depois de reunião de avaliação orçamentária e planejamento para 2011, o prefeito de Cuiabá, Chico Galindo, afirmou estar animado com as projeções feitas pelo seu secretariado. Ele garantiu que a Prefeitura pretende implementar ações de peso na Capital do Estado em áreas distintas: "cada secretário adequou os projetos da sua Pasta com base na realidade do Orçamento/2011.  É uma reunião produtiva, que vai ajudar no fechamento de metas importantes para a cidade".

Ele explicou que nesta sexta-feira (07-01) a Prefeitura encerra o episódio d a coleta de lixo em Cuiabá, a contento da expectativa geral. No setor de Saúde, o Pronto Socorro de Cuiabá terá brevemente mais 60 leitos, além de reforma concluída do piso inferior do Hospital Municipal, que funciona na mesma área. "Isso é realidade, graças à emenda parlamentar da senadora Serys Slhessanrenko, de R$ 2,3 milhões, com contrapartida de idêntico valor da Prefeitura de Cuiabá. O deputado federal Wellington Fagundes tem negociado a liberação de mais R$ 1 milhão, o que permitirá outros benefícios naquela unidade".

A pavimentação asfáltica dos bairros da Capital é outro empreendimento que a Prefeitura de Cuiabá quer consolidar urgentemente, garantiu Chico Galindo, com todas as vias de acesso devidamente mapeadas. "Já estive em Brasília-DF para tratar exclusivamente dessa questão. Asfaltar Cuiabá inteira é uma das necessidades urgentes, e para tanto fechamos parcerias decisivas com os governos estadual e federal". 

Outras metas

O abastecimento de toda a cidade com água de qualidade e tratamento do esgoto coletado na Capital se inserem igualmente no rol das prioridades que o município define, apoiado pelas instituições oficiais do Estado e do setor federal. "Muito já se fez, mas avançaremos mais, a fim de resolver as pendências ainda existentes nesse segmento", disse Galindo. Ele também discorreu sobre o andamento das obras do PAC I e II, além de explicar a necessidade de ser concluído o processo de centenas de desapropriações para que as obras da Copa 2014 possam ser realizadas. 


"Não podemos permitir a estagnação do progresso da Capital em detrimento disso. Sem as desapropriações (previsão de 300) não teremos obras. Ademais, Cuiabá será a grande beneficiada, pois se transformará numa cidade moderna, imponente, muito mais bonita do que já é. Os recursos da Copa 2014 estão já assegurados" (R$ 2 bilhões do Estado e do PAC Copa).

O prefeito também anunciou a realização de concurso público em junho/2011 para preencher alguns setores da administração (áreas da Sáude, Fiscal e da Guarda Municipal). Janeiro e fevereiro, explicou, são meses de contingenciamento de despesas, o que inclui exonerações e outras providências para minimizar custos. "A palavra de ordem na minha gestão é economizar, cortar gastos. Isto permitirá outros investimentos necessários". 

Já no mês de março iniciam-se vários projetos de peso, inclusive as mencionadas obras de reforma do piso inferior do Pronto Socorro e a expansão de leitos do Hospital Municipal. Galindo finalizou que seu desejo é trabalhar firme, estabelecer um Pacto por Cuiabá abrangente, inclusive na parte política. "A proposta é nos unirmos com todos aqueles que desejam o melhor para nossa cidade, e para isto quero contar com o apoio de todas as facções partidárias. Muitas delas, aliás, aliadas do governo atual".


Enviar Matéria Imprimir Voltar

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá