Quinta, 19 de março de 2020, 16h00
A- |  A+

Saúde / EXEMPLO

Programa SOS AVC de Cuiabá é destaque para outros países em congresso internacional

A celeridade nos diagnósticos realizada pelo programa tem reduzido os riscos de sequelas permanentes em 92%


Inédito em Mato Grosso, o Programa SOS AVC, que foi implantado pela gestão Emanuel Pinheiro no Hospital Municipal São Benedito há seis meses, recebeu destaque no congresso internacional GSA 2020 - Global Stroke Alliance, que aconteceu no Rio de Janeiro – RJ dos dias 11 a 14 de março.  

No ato, a troca de experiências exitosas do SOS AVC apresentadas por  técnicos de Cuiabá  aos nove países convidados para o evento, sendo eles Austrália, Áustria, Canadá, Chile, Espanha, Estados Unidos, Suécia e Equador chamou atenção quanto à celeridade dos diagnósticos de Acidente Vascular Cerebral - AVC  e redução de sequelas graves em 92%.

“Fomos convidados pelos organizadores do Global Stroke Alliance 2020 para trocar experiências com técnicos de outros centros de tratamento do AVC e avançar ainda mais nos bons resultados. Mesmo sendo o programa mais jovem do congresso, a celeridade nos diagnósticos em Cuiabá, que tem reduzido os riscos de sequelas permanentes em 92%, foi considerado pelos congressistas dos demais países como exemplo a ser seguido”, pontuou Gleide Gomes, enfermeira especialista do SOS AVC.

Uma das razões que contribuem para o sucesso do programa cuiabano, segundo o diretor geral da Empresa Cuiabana de Saúde Pública (que administra o São Benedito), Alexandre Beloto está na busca pelo atendimento que tem acontecido dentro das 8h consideradas cruciais para o socorro.  

“O empenho da equipe envolvida no SOS AVC, que tem ofertado constantes capacitações aos profissionais das Atenções Básica e Secundária, aliados à dedicação de toda a rede SUS Cuiabá já salvou mais de 300 vidas. Dentre elas,  a de uma paciente de 65 anos que nesta semana foi atendida e encaminhada pela Policlínica do Verdão após 2h do início dos sintomas. A exemplo de 80% dos pacientes acolhidos, ela teve os riscos de morte e sequelas graves reduzidos em 92%”, frisou o diretor.

ACOLHIMENTO SOS AVC

Como o Hospital São Benedito não é portas abertas, o acolhimento do SOS AVC acontece de duas formas. A primeira é via SAMU, para os casos em que forem chamados e os paramédicos atestarem que pode se tratar de um AVC. Nesta situação, o paciente será imediatamente trazido por eles para o Hospital São Benedito. A outra porta de entrada é por meio de encaminhamento das unidades de urgência e emergência da Capital, sendo elas o Hospital Municipal de Cuiabá - HMC, UPAs e policlínicas.

SAIBA MAIS SOBRE O AVC

O Acidente Vascular Cerebral (AVC) acontece quando vasos que levam sangue ao cérebro entopem ou se rompem, provocando a paralisia da área cerebral que ficou sem circulação sanguínea. É uma doença que acomete mais os homens e é uma das principais causas de morte, incapacitação e internações em todo o mundo.

Quanto mais rápido for o diagnóstico e o tratamento do AVC, maiores serão as chances de recuperação completa. Desta forma, torna-se primordial ficar atento aos sinais e sintomas e procurar atendimento médico imediato.

Existem dois tipos de AVC, que ocorrem por motivos diferentes: AVC hemorrágico e AVC isquêmico.

QUAIS OS SINTOMAS

Existem alguns sinais que o corpo dá que ajudam a reconhecer um Acidente Vascular Cerebral. Os principais sinais de alerta para qualquer tipo de AVC são: fraqueza ou formigamento na face, no braço ou na perna, especialmente em um lado do corpo; confusão mental; alteração da fala ou compreensão; alteração na visão (em um ou ambos os olhos); alteração do equilíbrio, coordenação, tontura ou alteração no andar; dor de cabeça súbita, intensa, sem causa aparente.

 

 

 

Enviar Matéria Imprimir Voltar

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá