Quarta, 27 de maio de 2020, 10h40
A- |  A+

Saúde / PARCERIA

Prefeitura de Cuiabá e Campus Bela Vista do IFMT iniciam realização de exames laboratoriais da COVID-19

Trabalho será realizado no laboratório de Biotecnologia do Campus Cuiabá – Bela Vista, com uma capacidade inicial de 5 mil análises


O Campus Cuiabá - Bela Vista do Instituto Federal de Mato Grosso inicia nesta quarta-feira (27), a realização de exames laboratoriais para o diagnóstico de COVID-19, em parceria com a Prefeitura de Cuiabá. O anúncio oficial foi realizado pelo prefeito da Capital, Emanuel Pinheiro, e pelo diretor-geral do Campus, Deiver Teixeira, nesta manhã. 

Para a realização dos exames, a Prefeitura de Cuiabá adquiriu um equipamento RT-PCR, ideal para a análise de amostras, que será utilizado por uma equipe de profissionais da área de bioquímica do Campus Cuiabá – Bela Vista. O equipamento foi doado ao Campus e será de utilização permanente do laboratório. As amostras serão coletadas nas unidades de saúde públicas que fazem enfrentamento à COVID-19 e encaminhadas ao laboratório, que está credenciado junto ao Laboratório Central do Estado de Mato Grosso (Lacen) para a análise e emissão de resultados.

De acordo com o diretor-geral, Deiver Teixeira, o Campus Cuiabá – Bela Vista trabalhou nas medidas administrativas junto aos órgãos competentes para a viabilização dos trabalhos em tempo célere. “Estamos trabalhando na estruturação e credenciamento do laboratório desde o registro dos primeiros casos no país. No Campus, temos como foco a produção científica com qualidade e, mais que isso, o compartilhamento desde conhecimento junto à sociedade. Neste momento delicado, temos a oportunidade de, mais uma vez, direcionar nossa produção para uma causa urgente e necessária. O Campus Cuiabá – Bela Vista não medirá esforços para, dentro da nossa área de conhecimento, colaborar com o que for preciso para o combate à pandemia de COVID-19”.

A aquisição do equipamento representa um investimento único no trabalho de salvat e proteger vidas, conforme o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro. “A preocupação maior da Prefeitura é implementar o plano de contingenciamento e mitigação da pandemia. Neste sentido, nossa meta é aumentar a quantidade de exames realizados na nossa capital e desafogar a demanda do Laboratório Central do Estado”, destacou. Ainda conforme o prefeito, o laboratório irá receber os testes das unidades de saúde e garantir mais agilidade na divulgação dos diagnósticos. 

De acordo com a coordenadora do projeto no Campus, professora Sandra Mariotto, o equipamento – chamado de RT-PCR ou PCR em Tempo Real - permite a amplificação da região gênica de um organismo, no caso o novo Coronavírus, para a identificação. “Este trabalho será realizado no laboratório de Biotecnologia do Campus Cuiabá – Bela Vista, com uma capacidade inicial de 5 mil análises. Estamos em contato com outros parceiros para a aquisição de mais kits e ampliarmos esta capacidade”. Sandra é professora do Campus Cuiabá – Bela Vista, Doutora em Genética e Evolução pela Universidade Federal de São Carlos (2008).

Mariotto destaca que a equipe formada por professores especializados na área de Bioquímica e Biotecnologia passou por preparação para analisar as amostras. “Estudamos o desenho experimental do processo de análises e fomos capacitados também pelo Laboratório Central do Estado para efetivar o credenciamento do nosso laboratório”. O equipamento poderá ser utilizado futuramente para análise de outros micro-organismos, caso necessário.

Enviar Matéria Imprimir Voltar

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá