Terça, 25 de abril de 2017, 08h00
A- |  A+

Saúde / INFLUENZA

Campanha de Vacinação é retomada nesta segunda-feira 24


Tchélo Figueiredo

Clique para ampliar

A 19ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza prossegue na segunda-feira (24) nas salas de vacinação em funcionamento na rede publica de saúde de Cuiabá. Nesta sexta-feira (21), Feriado de Tiradentes, não haverá vacinação.  Até o dia 26 de maio, a vacina estará disponível aos integrantes dos grupos prioritários para imunização incluindo os profissionais da saúde, das redes publica e privada, que não se vacinaram na primeira semana da campanha nacional.

A novidade este ano é a vacinação para os professores – também das redes pública e privada de ensino. Nesse caso, é importante que levem um documento comprovando a sua condição de professor. Esse grupo pode procurar as unidades básicas de saúde a partir da próxima segunda-feira, assim como os demais, até o final da campanha.

No total, Cuiabá recebeu 21.600 doses da vacina contra a Influenza. Além das 64 salas de vacina durante a campanha funcionam mais três salas na zona rural, em Nossa Senhora da Guia, Rio dos Peixes – que reúne as comunidades do Coxipó do Ouro e Barreiro Branco -,  e Aguaçu.

A  coordenadora dos Programas Estratégicos da diretoria de Atenção Básica, Lidiane Cunha Siqueira explicou como será o calendário daqui até o final da campanha.  

“A partir do dia 24 de abril até o dia 26 de maio, serão vacinadas as demais pessoas dos grupos considerados prioritários para imunização. No dia 13 de maio, será realizado o dia D, de mobilização nacional. Nesse dia estaremos com 87 salas de vacina em funcionamento nos Centros de Saúde e unidades do Programa Saúde da Família (PSF)”, salientou.   

Aquelas pessoas que tenham alguma dúvida em relação à Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza podem entrar em contato com os técnicos pelo telefone 3617 3333.

Grupos de risco

Os grupos prioritários para vacinação contra a Influenza são  os trabalhadores da saúde, as crianças na faixa etária de seis (06) meses a menores de cinco anos, gestantes em qualquer idade gestacional, puérperas até 45 dias após o parto, indivíduos com 60 anos ou mais de idade e professores das redes pública e privada de educação.  

Também fazem parte dos grupos considerados prioritários os adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medida socioeducativa, a população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, as pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clinicas especiais, independente da idade e os povos indígenas e os professores das escolas públicas e privadas.

Nesse grupo, independente da idade, é necessário a apresentação, no ato da vacina, da prescrição médica.

A meta definida pelo Ministério da Saúde é vacinar este ano, pelo menos, 90% da população  dos grupos considerados prioritários, algo em torno de 60 milhões de pessoas em todo o país.

Saiba mais

A Influenza é uma doença respiratória infecciosa, de origem viral, que pode levar ao agravamento e óbito de indivíduos que apresentem fatores ou condições de risco.

A transmissão ocorre por meio de secreções das vias respiratórias  das pessoas contaminadas,  ao falar, tossir, espirrar ou pelas mãos que após  contato com superfícies recém-contaminadas podem levar o agente infecciosos direto a boca, olhos e nariz.

A doença pode ser causada pelos vírus influenza A, B e C. Os vírus A e B apresentam maior importância clinica. Estima-se que, em média, as cepas A causem 75% das infecções, mas, em algumas temporadas, ocorre o predomínio das cepas B. Este ano a vacina combate as cepas A e B.

Enviar Matéria Imprimir Voltar

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá