Terça, 06 de agosto de 2019, 10h00
A- |  A+

Saúde / CONSCIENTIZAÇÃO

Agosto Dourado: evento dá início às atividades em prol do aleitamento materno em Cuiabá

Durante todo o mês de agosto, Unidades de Atenção Primária de Cuiabá terão programações especiais


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

Durante todo o mês de agosto, Unidades de Atenção Primária de Cuiabá terão programação especial para incentivar o aleitamento materno. As ações serão realizadas pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) em comemoração ao Dia Mundial da Amamentação (celebrado 1° de agosto) e ainda em referência ao ‘Agosto Dourado’, instituído pela Lei 13.435/2017 e oficializado como o período de intensificação das ações de conscientização e esclarecimento sobre a importância do ato.

Os seis Programas de Saúde da Família (PSFs) do bairro Pedra 90 deram início às atividades alusivas, em evento que reuniu mais de 300 pessoas. No ato foram realizados palestras, roda de conversas e trabalhos voltados para as gestantes e puérperas objetivando ressaltar a importância do aleitamento materno exclusivo, até os seis meses de vida.

Para a enfermeira chefe do PSF - Pedra 90 III, Izadora Ribeiro, que foi uma das organizadoras e palestrante do evento, a missão do Agosto Dourado, sobretudo, é fortalecer o vínculo mãe e filho e orientar sobre os cuidados com os recém-nascidos.

“Unimos os seis PSFs nessa ação que abre as atividades alusivas ao Agosto Dourado com objetivo único de fortalecermos o vínculo entre mamãe e filho desde a gestação ao final da amamentação. E durante todo o mês de agosto iremos sanar as dúvidas das mães e futuras mães e ajudá-las no que for possível para que aprendam o quanto este gesto é fundamental para o crescimento saudável do bebê. Afinal, o leite materno é o melhor alimento que ele pode receber em seus primeiros meses de vida. Vamos também abordar os cuidados essenciais para promover o crescimento e desenvolvimento infantil”, destacou a enfermeira.

Além das palestras que ofereceram atenção e orientação para as mães sobre como agir nos momentos que ocasionam dor pela realização incorreta da amamentação, postura, entre outros e ainda oferecer amparo no âmbito psicológico, o evento no Pedra 90 ainda ofertou ações de cunho social e entretenimentos. Dentre eles, o Varal Solidário onde as futuras e as atuais mamães puderam montar os enxovais dos bebês, e ainda brindes e artes plásticas na pele – ação que aproximou mãe e filho antes mesmo do parto.

Grávida de cinco meses do primeiro filho, Suelem Alencar de 20 anos foi uma das gestantes que saiu do evento com todas as dúvidas sanadas e sentindo mais próxima de seu bebê por meio da obra de arte desenhada em sua barriga.

“Esse evento foi uma forma de compreender o quanto as pessoas nos ensinam errado. Eu estava com muito medo da amamentação. As pessoas dizem que caem os seios  e que dependendo disso ou daquilo eu não terei leite, enfim isto estava se tornando um pesadelo para mim. E graças a Deus hoje eu tive resposta para tudo e descobri que o melhor para meu filho é o meu leite, e que tudo ficará bem. E por fim foi emocionante sair com essa pintura linda na minha barriga, é como se eu pudesse vê-lo antes mesmo de nascer. Foi lindo e agora não tenho mais medo pois sei que terei uma equipe qualificada que continuar me auxiliando no que eu precisar”, finalizou. 

Estrutura em Cuiabá

Em relação à estrutura de serviços, Cuiabá possui um banco de leite, localizado no Hospital Geral Universitário (HGU), que recebeu pelo quinto ano consecutivo o certificado ouro de excelência em Bancos de Leite Humano. O Hospital Júlio Müller também conta com um Banco de Leite Humano. Nesses dois locais são  feitos a captação, processamento, pasteurização e armazenamento do leite materno, que é disponibilizado para o aleitamento de recém-nascidos e bebês prematuros que não podem ser amamentados pela mãe. “Mulheres saudáveis podem e devem se tornar doadoras, pois constantemente o estoque de leite está baixo e esse leite pode mudar a vida de muitas crianças, contribuindo, inclusive, para a redução da mortalidade infantil”, destacou o secretário-adjunto em Assistência em Saúde, Luiz Gustavo Raboni.

 

 

Enviar Matéria Imprimir Voltar

Galeria de Fotos:

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá