Quarta, 27 de novembro de 2019, 10h15
A- |  A+

Mobilidade Urbana / SUGESTÃO DE PAUTA

Semob participa da Pesquisa Vida no Trânsito, realizada pela UFG com Ministério da Saúde

A partir de quarta-feira (27) a Pasta realiza uma série de blitz educativas


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

A Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) participa da Pesquisa Vida no Trânsito, desenvolvida por alunos da Universidade Federal de Goiás (UFG) em parceria com o Ministério da Saúde. O estudo analisa o impacto do Programa Vida no Trânsito (PVT) em 14 capitais nas cinco regiões do país. Para isso, em Cuiabá, será realizada uma série de blitz educativas acompanhadas pelo grupo a partir de quarta-feira (27).

A pesquisa também considera os aspectos determinantes das lesões e mortes causadas pelos acidentes de trânsito. Sendo assim, em uma de suas etapas haverá entrevista com questões abertas, em grupo, com os coordenadores do PVT nas capitais. O grupo focal se encontrará na quarta-feira às 14h30 na Secretaria.

De acordo com o titular da Pasta, Antenor Figueiredo, em Cuiabá o Programa já identificou três fatores críticos quando se trata de mortalidade no trânsito: as altas taxas de acidentes envolvendo motociclistas, consumo de bebida alcoólica e alta velocidade.

“Temos realizado ações como o programa Pilotagem Consciente, que oferece palestras em empresas e aulas práticas aos condutores. “Isso foi diagnosticado em 2017 e desde então, temos feito um trabalho para reduzir os óbitos. Já observamos resultados, principalmente nas vias onde temos radares”, explica.

A secretária-adjunta, Luciana Zamproni lembra que a Semob  já está trabalhando com um plano de ações para 2020.  No início do mês, representantes do Ministério da Saúde estiveram na Secretaria para discutir ações do Projeto Vida no Trânsito. No encontro, os gestores fizeram um balanço das ações adotadas desde 2013 para a redução da mortalidade nas vias do Município.

“Com os dados em mãos e o resultado do estudo poderemos estabelecer diretrizes para o programa. É importante destacar que o planejamento é feito em parceria com a equipe da Vigilância Epidemiológica, a Diretoria de Trânsito e as comissões de dados”, diz a adjunta.

Em Mato Grosso o Vida no Trânsito conta com a parceria de órgãos como a Delegacia Especializada em Delitos de Trânsito (Deletran), Detran, Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec), Polícia Militar (PM), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Secretaria de Estado de Saúde, além das secretarias municipais de Mobilidade Urbana e Saúde.

 

 

Enviar Matéria Imprimir Voltar

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá