Segunda, 23 de março de 2020, 08h38
A- |  A+

Mobilidade Urbana / MELHORIA DO TRÂNSITO

Cuiabá conta hoje com 103 conjuntos semafóricos inteligentes instalados nas principais vias

Todo o processo de equipagem foi conduzido pela Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) sendo essa a pasta responsável pela condução dos trabalhos


Tendo como foco a melhoria da qualidade de vida da população, o prefeito Emanuel Pinheiro, desde o início da gestão, tem implantado diferentes serviços que contribuam para o pleno desenvolvimento da Capital. No que tange ao aumento progressivo da frota veicular em circulação, a pouco mais de dois anos, o município passou a contar com um sistema de semáforos inteligentes nos principais cruzamentos e avenidas, possibilitando ao pedestre uma travessia mais rápida e segura, além da melhor fluidez do trânsito. Atualmente, a Capital já conta com 103 conjuntos semafóricos inteligentes em funcionamento.

Todo o processo de equipagem foi conduzido pela Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) sendo essa a pasta responsável pela condução dos trabalhos. Esse novo sistema que foi implantado tem como principal objetivo garantir a segurança na trafegabilidade dos condutores. Foi adquirido e implantado, desde fevereiro de 2018, o Sistema de Controle de Tráfego Adaptativo em Tempo Real (SPINNAKER), um software americano que acompanha a situação do tráfego de veículos em tempo real, comunicação entre o controlador e a central semafórica e visualização dos alarmes acusando defeito no cruzamento semaforizado e 110 (cento e dez) Controladores Eletrônicos Microprocessados, os chamados Semáforos Inteligentes.

De acordo com levantamento feito pela Diretoria de Trânsito da Semob, podemos destacar que houve redução no número de acidentes graves, atropelamentos e imprudências causadas pelos motoristas como, por exemplo, avançar o sinal vermelho. Segundo dados, a principal reclamação dos condutores era com relação ao tempo de espera nos semáforos. “A gestão vem cumprindo com os seus compromissos e a cidade tem melhorado”, frisou o secretário municipal de Mobilidade Urbana, Antenor Figueiredo.

FUNCIONAMENTO- Hoje é possível perceber a melhora na coordenação semafórica das vias (Onda Verde), devido ao sistema de GPS incluso em cada controlador em campo, ficando todos eles interligados e coordenados com o mesmo horário, possibilitando assim que todos abram no instante definido na programação.

O secretário lembra ainda que, os semáforos possuem as botoeiras e sonorização para a questão de acessibilidade. De acordo com Antenor, esse sistema oferece mais segurança para o deslocamento de pedestres e pessoas com deficiência visual. “Essas ferramentas trazem aos usuários mais pontos de travessia segura. Além disso, mais celeridade e segurança ao controlador, por meio do acionamento da botoeira e pela mensagem sonora emitida para orientação das pessoas com deficiência visual, que dará o direito de passagem ao pedestre, após terminar o tempo mínimo de segurança programado”, ressalta Antenor.

Outro diferencial do novo sistema semafórico é sua autossuficiência no monitoramento do fluxo de veículos no cruzamento de vias. Aliado ao funcionamento dos equipamentos, um centro de controle do trânsito foi instalado, acompanhando a trafegabilidade nas faixas por meio de câmeras. “Vale ressaltar que elas não possuem nenhum propósito punitivo e não serão usadas para lavratura de autos de infrações. Seu objetivo é supervisionar acidentes, gargalos e operar de maneira rápida na desobstrução do trânsito”, destacou o secretário.

Assim como as grandes capitais do Brasil, Cuiabá também vem sofrendo com o aumento progressivo da frota veicular em circulação, somando se à dificuldade de acompanhar no mesmo ritmo o avanço da melhoria da capacidade viária. Os congestionamentos, com certeza, um dos principais problemas de trânsito enfrentados pelos municípios, tem cada dia aumentado em duração e extensão penalizando os seus usuários nos seus deslocamentos.

“Esse sistema que foi implantado, denominado de semáforos inteligentes tem essa finalidade, reduzir esse tempo e trabalhar em sincronia, conforme a demanda do trânsito, evitando os terríveis congestionamentos, principalmente nos horários de pico”, frisou.

Os controladores eletrônicos microprocessados são o que existe atualmente de mais evoluído em controle de tráfego no Brasil. Esses equipamentos são baseados em tecnologia digital com microprocessadores, portanto são programáveis em todas suas funções. Possui com isso uma interface amigável e inúmeros recursos para diferentes tipos de funções. Esses equipamentos possuem uma interface com o operador, composta de teclado e display chamado programador. O programador é utilizado para entrada de todos os parâmetros de programação além de apresentar informações de falhas do controlador.

BENEFICÍOS- Contribuir com a segurança pública através do modo de operação semi-atuado, principalmente no período noturno, diminuindo o risco de assaltos. No modo de operação semi-atuado os detectores (laços virtuais formados pelas câmeras na via) são instalados nas vias secundárias (de menor fluxo veicular), e o direito de passagem ficará aguardando preferencialmente na via principal (de maior fluxo veicular), sendo transferido o direito de passagem para a secundária assim que houver solicitação de demanda nos seus detectores (laços virtuais formados pelas câmeras na via) ou quando os tempos mínimos programados se encerrem. 

Diminuição das ocorrências de panes semafóricas, rompimentos de cabos, de perda na comunicação remota e corrosão nas estruturas metálicas, devido a modernização do parque semafórico com a aquisição de novos controladores, novas estruturas metálicas anticorrosivas, porta-focos novos e com melhor visibilidade e cabeamento lançado subterrâneo, diminuindo a poluição visual da cidade. “Os semáforos inteligentes proporcionou a praticidade do gerenciamento remoto do controlador, sendo possível programá-las direto da central semafórica”, concluiu Antenor.

Enviar Matéria Imprimir Voltar

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá