Quarta, 24 de junho de 2020, 14h55
A- |  A+

Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano / SEJA RESPONSÁVEL

Com 30 bichinhos esperando por adoção responsável, Bem-estar Animal faz apelo contra o abandono

Os casos de abandono e maus tratos são muitos na capital e tem se intensificado neste momento de pandemia. A Diretoria está realizando os procedimentos de adoção por agendamento


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

Está precisando de companhia neste período de isolamento social? A Diretoria de Bem-estar Animal promove a adoção responsável de cerca de 30 bichinhos, que estão sob a tutela do órgão esperando por um novo lar. Os casos de abandono e maus tratos são muitos na capital e tem se intensificado neste momento de pandemia. Só neste ano de 2020, já foram registradas 385 denúncias. A Diretoria é vinculada à Secretaria de Meio Ambiente e está realizando os procedimentos de adoção por agendamento.

“Temos gatos e cachorros, todos muito carinhosos, aguardando por um lar em que possam retribuir afeto e atenção. São animais resgatados, muitas vezes em condições de maus tratos, que já sofreram muito e precisam de um conforto. Sabemos que esse é um momento complicado, mas os animais não tem culpa e necessitam de uma nova chance também. Precisamos da solidariedade da população em não abandonar seus bichinhos”, pontou Saula Ouverney, diretora do órgão.

A atuação da Diretoria de Bem-estar Animal sempre foi pautada na educação da população para o cuidado com os animais, pois esta é a principal ferramenta para se combater o abandono e, consequentemente, desafogar a estrutura de abrigamento e atendimento médico desses bichinhos.

O órgão foi implantado pela gestão Emanuel Pinheiro por sensibilidade a causa animal e mais do que isso, por reconhecer a causa como uma questão de respeito, saúde e política pública. Desde sua criação em março de 2018, a Diretoria atendeu mais de 400 animais, dentre gatos e cachorros e promoveu a adoção responsável de cerca de 300 bichinhos.

Todos os animais são entregues para adoção já vermifugados, vacinados e castrados. Em caso de filhotes, o futuro dono assina um termo de responsabilidade se comprometendo a retornar com o animal, em período determinado, para que a Diretoria realize a castração. A medida é uma das ações do órgão para reduzir a proliferação de possíveis animais abandonados.

A Diretoria ainda enfatiza que a pessoa, ao adotar um animal assume os seguintes compromissos: atendimento das necessidades físicas, psicológicas, ambientais e de saúde do animal; prevenção de riscos que ele possa causar à comunidade ou ao ambiente, como agressão, transmissão de doenças ou de danos a terceiros. Essas e demais recomendações podem ser consultadas na Lei Complementar 463/2017.

Para agendar uma adoção, basta entrar em contato pelo telefone 0800 647 7755, de segunda a sexta, das 08h às 12h.

Enviar Matéria Imprimir Voltar

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá