Quinta, 19 de março de 2020, 13h10
A- |  A+

Governo / GESTÃO PARTICIPATIVA

Prefeito debate com entidades medidas para o setor produtivo de Cuiabá

A ideia é, de forma conjunta, minimizar os impactos do coronavírus (Covid-19) na economia municipal


O prefeito Emanuel Pinheiro, se reuniu nesta quarta-feira (18) com diversas entidades representantes do setor produtivo da Capital. O encontro teve como objetivo debater medidas que podem ser adotadas, em conjunto entre o poder público e a iniciativa privada, para minimizar os impactos do coronavírus (Covid-19) na economia municipal. A agenda cumpre com o mote de fortalecimento à gestão participativa, adotado pela Prefeitura de Cuiabá.

A primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, os secretários de Fazenda, Antônio Roberto Possas de Carvalho, e o de Cultura, Esporte e Turismo, Francisco Vuolo, e o vereador Vinicyus Hugueney também participaram da reunião.

Na oportunidade, Pinheiro recebeu das instituições um documento com todas as propostas elaboradas pelos comerciantes. Conforme o prefeito, as sugestões serão analisadas em conjunto com o Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus, instituído pelo decreto 7.839/2020. Posterior a essa apreciação, uma nova reunião será agendada para discutir quais intervenções podem ser aplicadas de imediato.

“O setor produtivo tem grande participação na economia do Cuiabá, gerando empregos e renda. Por isso, nesse momento em que todos estão sendo afetados, temos também a sensibilidade de olhar para esse setor. A Prefeitura é a casa de todos e sempre foi parceira da iniciativa privada. Dessa forma, novamente estaremos juntos superando esse momento de instabilidade econômica e social. Nada será feito sem que haja esse diálogo”,

O chefe do Executivo cuiabano também apresentou à classe empresarial todas as ações já realizadas pelo Município como forma de prevenção ao avanço do Covid-19. Entre as medidas, o prefeito explicou, detalhadamente, sobre as voltadas para as áreas da Saúde, Educação, Assistência Social, Mobilidade Urbana, Saneamento Básico e Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico. 

Em contrapartida, as entidades também pontuaram todas as providências que, de forma espontânea, os estabelecimentos comerciais têm adotado com ato de prevenção. Em bares e restaurantes, por exemplo, destaca-se o reforço na higienização da cozinha e demais áreas, distanciamento maior entre as mesas, ventilação do ambiente, incentivo a higienização das mãos e uso do álcool em gel.

“Nunca a cidade precisou tanto de nós todos juntos como agora. Para superarmos isso, é necessário que cada um chame um pouco da responsabilidade para si. Como prefeito, farei o que for possível para resolver e causar o menor impacto. Fico extremamente satisfeito em ver o engajamento, a preocupação e a conscientização desse setor que é tão importante para o desenvolvimento da cidade”, finalizou Pinheiro.

Estiveram presentes a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Câmara de Dirigentes Lojistas de Cuiabá (CDL), Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL/MT), Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso (Fiemt), Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio-MT), Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Mato Grosso (ABIH-MT), Associação Comercial de Cuiabá (ACC) e Federação das Associações Comerciais e Empresariais de Mato Grosso (Facmat).

 

 

Enviar Matéria Imprimir Voltar

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá