A- |  A+
Quinta, 20 de abril de 2017, 17h51


Governo e Comunicação / TECNOLOGIA

Estado solicita apoio do município para evento de empreendedorismo digital



O vice-prefeito Niuan Ribeiro recebeu representantes da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, de Ciência e Tecnologia e do Parque Tecnológico Mato Grosso, nesta quinta-feira (20). A visita foi marcada pela solicitação de apoio institucional do município para a realização do desafio de empreendedorismo digital, intitulado Hack The City.

Ao longo do encontro, o gestor conheceu o projeto, que visa unir uma série de jovens empreendedores do ramo tecnológico, com o objetivo de buscar soluções práticas e eficientes para os problemas da Capital. Utilizando a tecnologia como uma forte aliada, programadores, designers e profissionais do ramo trabalham de forma imersiva por 24 horas ininterruptas, criando projetos, iniciativas e aplicativos que contribuam para uma melhor qualidade de vida como sociedade.

“A proposta é muito boa e visa envolver a população na gestão da cidade. Cuidar de Cuiabá é uma responsabilidade que começa no órgão municipal, mas se estende a todos os cidadãos. É nosso papel olharmos com carinho para nossa terra e o Hack The City é uma ótima oportunidade para que jovens empreendedores digitais coloquem seu talento em prática, nos ajudando a pensar em soluções viáveis e funcionais para os diversos setores da Capital. Vamos encaminhar a iniciativa para o prefeito Emanuel Pinheiro, para que ele possa conhecer de deliberar sobre o assunto”, revelou Niuan.

Acontecendo simultaneamente em diversas partes do país e do mundo, como Holanda, Alemanha, França, Inglaterra e Portugual, o Hack The City acontecerá entre os dias dois e quatro de junho. Com a premissa de buscar soluções aplicadas em diversos temas relacionados ao cotidiano das cidades, os profissionais envolvidos planejarão ações que englobem as áreas de turismo, meio ambiente, mobilidade urbana, segurança, inovação social, entre outros.

“Na noite do dia dois de junho, faremos um evento aberto para toda a população, que vai contar com palestras relacionadas ao foco do desafio, mostrando quais os problemas presentes no lugar em questão. O propósito é estimular as pessoas a pensarem em sua cidade pela ótica solucionadora e não apenas pela crítica ao que está errado. Hack The City visa emponderar o cidadão, para que ele seja um agente protagonista na transformação do local onde reside”, pontuou Washington Fernando da Silva, gestor do Parque Tecnológico Mato Grosso.

Para o secretário Vinicius Hugueney, olhar para a tecnologia como um instrumento agregador de soluções para os problemas estruturais e sociais existentes na Capital é fundamental, principalmente mediante o contexto contemporâneo vigente no mundo. “Nós como gestores precisamos acompanhar a tecnologia atentamente, pensando nela como uma ferramenta que pode trazer melhorias eficazes e genuínas para nossa cidade. São inúmeras as possibilidades e um evento dessa magnitude ajuda a dimensionar o grandioso potencial solucionador existente no nosso povo”, concluiu.



Comentários










Captcha

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia