Quinta, 08 de agosto de 2019, 14h29
A- |  A+

Educação / ENCONTRO

Profissionais da Educação participam de encontro sobre prevenção ao bullying, suicídio e violência escolar

Na rede publica municipal de ensino, tema é discutido em programas como o Escola da Inteligência, que atende 16 mil alunos


Profissionais da Educação participam nesta quinta e sexta-feira (08 e 09), do I Encontro Estadual de Educação do Ministério Público de Mato Grosso: a prevenção do bullying, do suicídio e da violência escolar. O evento tem como público-alvo membros e servidores do MPMT, além de professores e profissionais que atuam na área.

Ao abrir o evento, o procurador de Justiça Paulo Prado, que também responde pela Procuradoria Especializada em Defesa da Criança Infância e Juventude, destacou as iniciativas realizadas pelo Município de Cuiabá e disse que convocará o Governo do Estado e outras instituições para reforçar a política de prevenção ao bullyng. “Cuiabá já desenvolve um programa nesse sentido, e foi o pioneiro na Região Centro Oeste no combate a esse maleficio para os estudantes. Precisamos unir forças, unir experiências e boas ideias para evitar que isso aconteça em nossa casa”, disse Paulo Prado ao recordar a visita que recebeu do secretário de Educação, Alex Vieira Passos, e da secretária-adjunta, Edilene Machado, quando explicaram o programa ao magistrado.

Iniciativas contra o bullying fazem parte do cotidiano das 163 unidades escolares da rede pública municipal de Educação. Programas como o Escola da Inteligência, implantado em 2018 e ampliado este ano para atender 16 mil alunos em 30 unidades de ensino, trabalham o tema com alunos, professores e pais.  

Lançado este ano pela Prefeitura de Cuiabá, sob a coordenação da Secretaria Municipal de Educação, o programa de combate e prevenção ao bullying, ‘Sem plateia não tem bullying’, reúne momentos de formação para os professores, de orientação aos pais e alunos e uma campanha com atividades realizadas pelas crianças e jovens. Uma dessas atividades levou dois mil alunos de Cuiabá e Várzea Grande, e meninas atendidas pelo Projeto Siminina, a uma caminhada de alerta e conscientização, no centro da cidade, no dia 28 de julho.

“Nossa ideia é de que possamos, junto com instituições parceiras, promover reflexões sobre o tema e, aliados ao protagonismo dos alunos, produzir diretrizes orientavas e pedagógicas que estimulem as crianças e os jovens, à empatia e ao respeito às diferenças”, explicou a secretaria-adjunta de Educação Edilene Machado.

ENCONTRO

Durante o encontro promovido pelo Ministério Público, serão abordados temas como a prevenção da automutilação, violência, depressão e suicídio no ambiente escolar; o bullying e o cyberbullying; mediação escolar; intolerância e a diversidade e a família e a escola.

A diretora de Ensino da Secretaria Municipal de Educação, Zileide Lucinda dos Santos acompanhou a abertura do evento e destacou a importância do momento para a Educação. “Precisamos dar visibilidade às ações positivas da cultura de paz. Discutir o bullying, um problema tão presente na nossa sociedade, é fundamental. A nossa rede já vem refletindo sobre o tema. Atualmente vários programas reforçam essa luta, discutindo as emoções, os afetos, a rejeição e a perda; enfim, temas e situações importantes para que possamos aprender a lidar com essas emoções”, concluiu ela.

O I Encontro Estadual de Educação do Ministério Público é promovido pela Procuradoria Especializada na Defesa da Cidadania, Procuradoria Especializada na Defesa da Infância e Juventude, Centro de Apoio Operacional (CAO) de Educação e Centro de Apoio Operacional (CAO) da Infância e Juventude.

Enviar Matéria Imprimir Voltar

Galeria de Fotos:

Praça Alencastro, nº 158 - Centro

CEP: 78005-906

Telefone:(65) 3645-6263/6039 (Recepção)

© 2017 - Todos os direitos reservados - Prefeitura de Cuiabá